PE e Espanha trabalham para a construção de novas parcerias


Ft.: Hesíodo Góes/ Seturel-PE
Ft.: Hesíodo Góes/ Seturel-PE
Flagrante da reunião

Sempre buscando fortalecer a malha aérea de Pernambuco, o Governo do Estado teve nova reunião com grupo espanhol para possível voo Recife-Madri. Desta vez, o encontro foi no Palácio do Campo das Princesas, entre o governador Paulo Câmara, o secretário estadual de Turismo, Esporte e Lazer, Felipe Carreras e o prefeito do Recife, Geraldo Júlio com o CEO do Grupo Globalia e da Air Europa, Juan Javier Hidalgo.

Expansão

No entanto, nesta reunião o objetivo não foi simplesmente um possível voo e sim a expansão da conexão turística e econômica entre ambos. Além disso, também foram abordados possíveis novos investimentos nos setores turístico e hoteleiro. “Ficamos felizes com essa oportunidade de poder desenvolver novas parcerias com um grupo importante e que reconhece as potencialidades de Pernambuco. Essa união pode gerar muito mais do que um voo”, ressaltou o governador.

Para o secretário estadual de Turismo, Esporte e Lazer, Felipe Carreras, a vinda do grupo sinaliza que Pernambuco e Recife estão no caminho certo da consolidação do Estado como um destino turístico de destaque no Nordeste e no Brasil. “Eles já tinham noção dos nossos potenciais, e mostraram interesse em celebrar parcerias com o governo. A gente espera, em breve, dar boas notícias para os pernambucanos de grandes investimentos. Até porque quando falamos de turismo, falamos de oportunidades e empregos”, frisou, complementando: “O grupo Globalia contempla empresas hoteleiras e turísticas de destaques na Europa. Então, eles não vêm só pensando na possibilidade de conectar um voo de Recife para Madrid, mas também fazer outros investimentos em Pernambuco”.

Segundo o CEO da Globalia, há espaço para uma forte ampliação e massificação do turismo espanhol no Nordeste. “As empresas do Grupo Globalia trabalham em sinergia. Há muito potencial para parcerias entre o nosso grupo e Pernambuco, não apenas sob a forma de voos da Air Europa, mas também com relação à promoção do Estado como destino na Espanha”, afirmou. Na ocasião, o Consul da Espanha, Gonzalo Fournier, fez questão de reafirmar o interesse do País em formalizar parcerias com o governo pernambucano. “A iminente assinatura do Acordo de Livre Comércio entre a União Europeia e o Mercosul deverá trazer benefícios diretos para o Estado pernambucano. Se para países como México e Chile este acordo poderá representar um aumento significativo nas exportações, para o Brasil, particularmente para Pernambuco, abre-se uma janela de oportunidades para desenvolver parcerias com a Espanha, em especial no setor turístico”, declarou. No intuito de viabilizar uma aproximação do Estado com o País, o Cônsul explicou ainda que, apesar do Consulado estar situado em Salvador, há total disponibilidade para apoiar uma eventual missão do governador à Espanha.

Papel estratégico

Presente no encontro, o prefeito Geraldo Júlio destacou a importância do voo Recife-Madrid para o turismo e para a economia dos dois países, e afirmou que a iniciativa significa também uma forte conexão de estratégias. “Nós somos a única capital do Nordeste a ter conexão direta com todas as outras da região. E contamos também com polos médico, comercial, gastronômico, educacional e industrial muito bem desenvolvidos e de destaque no Nordeste. Então, nós buscamos ampliar os nossos serviços através da expansão dessas conexões, para que os quase 55 milhões de nordestinos possam, a partir do Recife, se conectar ao mundo. Não é só um voo, nós queremos conectar estratégias de desenvolvimento para a consolidação dos nossos potenciais”, cravou.

O encontro também contou com a presença dos secretários estaduais Márcio Stefanni (Planejamento e Gestão) e José Neto (Relações Internacionais); a secretária de Turismo, Esporte e Lazer do Recife, Ana Paula Vilaça; o diretor da Air Europa, Enrique Ambrósio; o diretor de Desenvolvimento Internacional da Globalia, Lisandro Menu-Marque; e o diretor geral de Operações Turísticas da Globalia, Emílio Rivas Botero.

Sobre a Globalia

Primeiro grupo turístico da Espanha. Formada por 16 empresas no segmento de turismo, da qual Air Europa, Travelplan Internacional, Welcomebeds e Welcome Incoming Services atuam no mercado brasileiro. Em fase de expansão, o Globalia, que está presente em mais de 30 países na América do Sul, América do Norte, África e Europa, deve chegar em 2022 com uma frota de 50 modernas aeronaves.

Das empresas do Grupo Globalia atuantes no Brasil, a Air Europa, com 30 anos de história, sendo 13 deles atuando no País, opera sete voos semanais na rota São Paulo-Madri e dois voos semanais (às terças e sábados), na rota Salvador-Madri. A Travelplan International é a operadora turística do Globalia, e está baseada em uma ampla rede de distribuição com os consolidadores, com presença nos 21 países emissores da América. Integrando a divisão de receptivos, a Welcome Incoming Services, conta com mais de 15 delegações próprias entre Espanha, Caribe e Europa. E a Welcome Beds, plataforma de distribuição dos serviços e produtos receptivos e de parceiros, exclusiva B2B, dá cobertura em mais de 160 países, e apresenta portfolio com mais de 100 mil hotéis, e sistema que dispõe um módulo para reserva de transfer e demais serviços complementares de lazer no destino.